GUARATUBA PR. / VIA MASSA NEWS

O suspeito de assassinar a tiros Bruno Pereira Pampuch Alves, de 19 anos, no bairro Piçarras, em Guaratuba, se apresentou na delegacia e confessou o crime na noite de terça-feira (9). O crime aconteceu no dia 5 de janeiro. A polícia conseguiu identificar o autor dos disparos apenas quatro horas após o homicídio com o auxílio de um drone disponibilizado para a Operação Verão 2017/2018.

De acordo com a Polícia Civil, a situação aconteceu por volta das 11h quando a vítima estava caminhando próximo à uma igreja. O suspeito passou de bicicleta e disparou pelo menos quatro vezes contra Bruno. “O suspeito alegou que teria cometido o crime, pois estava sendo ameaçado de morte pela vítima. Ele se apresentou na unidade, junto do advogado, e confessou o crime”, contou Renan Ferreira, delegado responsável pelo caso.

Essa foi a primeira vez que o drone foi utilizado para auxiliar nesse tipo de crime, mapeando o lugar dos fatos, identificando câmeras de segurança e traçando a rota do suspeito para que fosse identificado. O acusado está preso e irá responder por homicídio. 

Colaboração Daniela Borsuk/ Polícia Civil/MASSA NEWS


Publicidade


Deixe o seu comentário